28.04.2015  /  10:15

Marcos Pasquim confessa frustração por não ser mais gay em novela

Marcos Pasquim || Créditos: Agnews
Marcos Pasquim || Créditos: Agnews

Glamurama encontrou com Marcos Pasquim na plateia do espetáculo “Rudá – Um Sonho Real”, que estreou essa segunda-feira no Oi Casa Grande, no Leblon. Claro que a gente puxou papo sobre o boicote que “Babilônia” vem sofrendo e as mudanças no perfil de personagens em uma tentativa de correr atrás da audiência. O ator, que interpreta um ex-atleta que, na sinopse, foi apresentado a ele como gay, não esconde o descontentamento com os indícios de que os autores da novela vão voltar atrás em relação a essa característica.

* “Até agora não me disseram nada oficialmente. Mas todas as cenas que gravei… Não sei se irão ao ar. Acho que eles não esperavam causar um choque tão grande com as personagens da Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg. Afinal, o beijo gay já tinha rolado [em “Amor à Vida”, também em horário nobre]. Mas talvez eles tenham mostrado isso muito cedo… Talvez. Prefiro não comentar se eu encararia as críticas ou adaptaria a história para me enquadrar. Faço a novela como ator e não quero me meter em outras funções. Mas claro que fico frustrado. Me preparei para viver um gay. E agora estou tendo que mudar.”

* “Eu nunca tinha interpretado um gay, só caras se fingindo de gay. Não sei até que ponto o Brasil está preparado pra isso. Mas luto pra que a gente veja novela com outros olhos no futuro. O ser humano está progredindo.” (por Michelle Licory)