28.07.2015  /  17:46

Marca japonesa conquista os americanos com estilo casual-chic

O estilista da marca, Hiroyuki Sasaki || Créditos: Divulgação

Após completar quase quatro décadas de vida, a japonesa Tomorrowland anda a mil com sua expansão mundial. A label caminha em sentido contrário aos desejos da maioria dos asiáticos – um tanto megalomaníacos e clientes fiéis das marcas de luxo -, apresentando coleções que misturam ingredientes elegantes e casuais com fórmulas inglesas e italianas e pegada minimalista – como fazem suas conterrâneas Comme des Garçons e Yohji Yamamoto.

Após chegar às araras da Selfridges e no e-commerce Mr. Porter, ambos ingleses, a marca põe os pés na terra do Tio Sam, mais precisamente na Barneys – o suprassumo das lojas de departamento de luxo, com um espaço dedicado às suas coleções feminina e masculina. Hiroyuki Sasaki, diretor criativo da marca, disse em entrevista ao site da Barneys: “Chegando em Nova York agora, eu sou capaz de me redescobrir. Eu realmente amo esta cidade – as pessoas , a energia , tudo.”

Compartilhando, em sua maior parte, dos mesmos materiais e sempre com uma pegada unissex, as linhas masculinas e femininas se complementam entre si. “Muitos casais gostam de usar as roupas da marca juntos!”, disse Hiroyuki. “Quando eu comecei, todos os homens e mulheres do meio da moda usavam apenas cores escuras, então eu escolhi fazer uma coleção com looks brancos, marinho e vermelho – apenas três cores! Eu sempre gostei de ir contra o mercado.”

Na galeria abaixo, desvende a campanha da marca. Para espiar as peças que já estão à venda – e variam de US$ 215, cerca de R$ 720 (uma camisa básica) a US$ 3,6 mil, ou R$ 12.130 (um sobretudo forrado com pele de carneiro), clique aqui.