16.11.2014  /  10:15

Manish arma Festival do Beirute durante o mês de novembro

Festival do Beirute

Se engana quem pensa que o Beirute, como sugere o nome, é uma criação libanesa. Foi em 1950 que o sanduíche se tornou um clássico paulistano, quando a equipe da lanchonete Dunga, com endereço na Rua Cubatão, que vendia seu Bauru em pão de fôrma, desesperada em ver seu estoque esgotado e não querendo negar os pedidos, pegou o que tinha na mão: pão sírio. Aí então, os irmãos libaneses acrescentaram zahtar e nasceu o Beirute, que leva queijo mussarela, tomate cortado fino e rosbife cozido.

Eles não sabiam que, anos mais tarde, essa delícia seria reproduzida pelo sobrinho Paulo Abbud em seu restaurante Manish, uma das poucas casas em SP que ainda serve o Beirute Tradicional. E, em homenagem a essa história, o restaurateur Renato Lopes arma durante o mês de novembro o Festival de Beirute, com 5 sabores diferentes, além do tradicional de Rosbife. Ainda, a casa está presenteando os clientes que pedirem o combo “Beirute + Vedett” com um copo exclusivo para beber em casa. Vale a pena conferir!