24.11.2016  /  10:22

Maitê Proença sobre programa de futebol: “Machismo não cola pra mim”

 

a
Maitê na abertura do Teatro Laura Alvim, na segunda-feira || Créditos: Roberto Filho/Divulgação

Maitê Proença, que apresenta o “Extraordinários” ao lado de nomes como Felipe Andreoli, Peninha e ex-integrantes do “Casseta”, provou que realmente é uma voz dissonante nos programas esportivos. “Sou uma mulher que é aficionada por futebol falando de futebol, de uma ótica diferente. Quem quiser um ponto de vista técnico, já tem todos os outros programas do Sport TV para assistir. Quando os jogadores entram em campo, a bola é a quarta coisa que presto atenção. Tenho outras percepções como entender, por exemplo, por que eles cospem em campo”, disse a atriz e apresentadora ao Glamurama.

Ela ainda revelou que quando eles mandam ela ir para a cozinha, ela vai. “Eu levo na brincadeira, porque machismo não cola para mim. Eles perguntam se eu não quero dar uma volta, ir para cozinha e eu vou. Finjo que não vou voltar [risos]. A gente tem afeto muito grande um pelo outro”.