17.09.2017  /  8:00

Lyft, maior concorrente do Uber, pode receber aporte bilionário da dona do Google

Desde o início do ano, o app levantou mais de US$ 600 milhões com investidores || Créditos: Getty Images

É bom o pessoal do Uber ir se preparando, porque o principal concorrente do aplicativo de transporte urbano está sendo sondado por ninguém menos que a Alphabet, holding que é dona do Google. Segundo o que se comenta nas altas rodas do Vale do Silício, a gigante americana estaria disposta a investir em torno de US$ 1 bilhão (R$ 3,1 bilhões) no Lyft, que em mercados disputados como Estados Unidos e Europa só fica atrás da empresa cofudada por Travis Kalanick.

A propósito, enquanto o Uber enfrentava polêmicas nas quais se envolveu recentemente, como a perda de estribeiras de Kalanick durante uma corrida solicitada pelo app e uma tumultuada troca de comando, o Lyft levantava desde o início do ano mais de US$ 600 milhões (R$ 1,87 bilhão) com investidores privados, atingindo um valor de mercado de US$ 7,5 bilhões (R$ 23,4 bilhões), US$ 2 bilhões (R$ 6,2 bilhões) a mais do que tinha há menos de um ano. (Por Anderson Antunes)