04.09.2019  /  8:51

Luto na moda: morre Peter Lindbergh, um dos criadores do fenômeno das supermodelos

Peter Lindbergh || Créditos: Reprodução

Morreu na terça-feira, aos 74 anos, o fotógrafo alemão Peter Lindbergh. A informação foi confirmada somente nessa quarta-feira em um post feito na conta oficial dele no Instagram, e assinado por familiares. Ele deixa quatro filhos e sete netos além da viúva, Petra Sedlaczek, com quem era casado desde 2002. A causa e local da morte não foram revelados. Nascido em Leszno, na Polônia, Lindbergh era considerado o maior craque em fotografias em preto e branco, e muitos de seus cliques estão entre os mais icônicos de toda a história da moda.

Famoso principalmente a partir do começo dos anos 1990, Lindbergh também foi um dos responsáveis pela criação do fenômeno das supermodelos naquela década. Várias estrelas da passarela, aliás, devem suas carreiras a ele – Cindy Crawford, Naomi Campbell, Claudia Schiffer, Linda Evangelista e Kate Moss são algumas delas.

Fã de esculturas, o top fotógrafo estudou na prestigiada Academia de Belas Artes de Berlim, e entrou na profissão que o consagrou graças a um emprego de estagiário que conseguiu na revista “Stern” logo depois de se formar na instituição. Sem jamais ter cogitado se aposentar, Lindbergh havia clicado recentemente a cantora espanhola Rosalía para um editorial da “Vogue España”. Vai fazer muita falta. (Por Anderson Antunes)

*

Abaixo, o post feito na conta oficial de Lindberg com o anúncio da morte dele: