09.03.2015  /  11:47

Luisa Arraes às vezes prefere dizer que não é filha de Guel. Por quê?

Babilônia
Luisa Arraes na festa de “Babilônia” || Créditos: Agnews

Por Michelle Licory

“Hoje lá em casa quando me viram pronta, com esse vestido [um Dior] e toda maquiada, falaram: ‘Meu Deus! Meu Deus! Essa não é a Luisa que a gente conhece…'”, nos contou Luisa Arraes, esse fim de semana, na festa de lançamento de “Babilônia”, no Copacabana Palace, no Rio. “Quando eu era pequena, minha mãe [a atriz Virginia Cavendish] tentou me botar no balé e não conseguiu. Sempre fui um moleque. Eu surfava, me orgulhava da minha turma da rua. Nunca fui princesinha. Agora estou até fazendo aula de dança, na escola da Carlota Portella [no Jardim Botânico]. Nunca pensei que fosse gostar… Vou de bicicleta. Estou me orgulhando muito do percurso Jardim Botânico – Largo do Machado”, revelou a filha de Guel Arraes, de 21 anos, que fala pelos cotovelos e quer mostrar que é uma garota comum. “Ando de ônibus também.  Faço Letras na PUC, mas só consegui me inscrever em alguma matérias, para poder conciliar com o trabalho.”

Nepotismo, não

“Meu pai brinca que eu gosto de falar que ele é na verdade um tio distante. Claro que isso é meio piada, mas meu pai não é uma celebridade, e sim um escritor. Nem todo mundo o conhece. Ele nunca teve nada a ver com meu trabalho de atriz. Quem me ajudou no início foi o João Falcão, que me conhece desde pequena e me escalou para o seriado ‘Louco por Elas’. Meu pai, não. Fiz teste pra ‘Babilônia’. Foi o primeiro teste para novelas que fiz. E passei. Na verdade, tinha sido chamada para fazer ‘Ligações Perigosas’, um seriado que acabou não rolando. Então perguntaram se eu não queria fazer esse teste para o papel da Laís [filha do personagem de Marcos Palmeira, que tem fama de político humilde na cidade do interior da qual é prefeito, mas leva uma vida de ostentação na Barra da Tijuca].”

Mãozinha de mestre, sim

“Acho que desde pequena eu já queria ser atriz, mas ninguém sabia disso. E até a faculdade de Letras… Bom, comecei a escrever pra ser atriz. Escrevi a peça ‘Queda Livre’. E aí, sim: meu pai me ajudou no texto. E a gente também mostrou para a Adriana Falcão, que é mãe da Bel [Isabel Falcão, amiga de infância que divide a autoria da peça com Luisa].

Uma química incrível mesmo

Luisa faz par romântico com Chay Suede na novela. E, em um bate papo com a gente, o ator falou, como Glamurama já contou: “Foi ótima a química com a Luisa. Desde que nos conhecemos, já começamos a falar a mesma língua. Encaixou, sabe? A cada dia descobrimos novas possibilidades juntos, mas de cara nos sentimos muito à vontade um com o outro.” Aproveitamos para tocar nesse assunto com a atriz. “Ele disse que a gente fala a mesma língua, né? Eu li! É engraçado porque no começo de um trabalho o normal é você ainda estar pensando ‘quem é você?’ sobre seu colega, mas nossas primeiras cenas ficaram tão bonitinhas… A gente tem uma química incrível mesmo. Eles são um casal tipo Romeu e Julieta. Ele é filho de duas mães [Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg] e ela é de uma família mais tradicional, que não gosta muito dessa ideia.”

Babilônia
Luisa Arraes e Chay Suede no set de “Babilônia” || Créditos: TV Globo