08.02.2021  /  12:35

Louis Vuitton comete gafe ao errar as cores da bandeira da Jamaica em suéter de R$ 7 mil: “Ninguém pesquisou no Google?”

Louis Vuitton troca as cores da bandeira da Jamaica || Reprodução

A Louis Vuitton falhou – feio – ao tentar fazer uma homenagem para a Jamaica. A grife lançou um suéter vendido por US$ 1.366 dólares (mais de R$ 7.300) com as cores da bandeira da ilha caribenha. Até aí, tudo bem, se não fosse o fato de que as cores da peça – verde, amarelo e vermelho – não serem as mesmas da bandeira do país que é verde, amarelo e preto. Logo, os internautas notaram a gafe e não perdoaram. Quem divulgou o erro foi o perfil do Twitter @pam_boy: “Não posso deixar de enfatizar o quanto é importante implementar a diversidade como um valor e não um símbolo dentro das empresas de moda”, tuitou o administrador da conta. Outro usuário da rede social questionou a responsabilidade da marca: “Ninguém na Louis Vuitton pesquisou a bandeira jamaicana no Google?”.

Além disso, muitas pessoas notaram que as cores do suéter poderiam ser, na verdade, inspiradas na bandeira Rastafari, movimento religioso com raízes na Jamaica. Quem também se manifestou foi a filha de Bob Marley, Cedella Marley, que publicou uma foto do pai com uma expressão chateada e alfinetou a brand francesa: “Bob diz que esta é a bandeira etíope”, escreveu em seu post. Depois da repercussão negativa, a marca tirou o produto do site, mas não falou nada.