Trump e o livro lançado em 1990

Trump e o livro lançado em 1990 || Créditos: Getty Images/Reprodução

Livro com dedicatória fria de Trump aos pais vai a leilão por US$ 17,5 mil

31.07.2017  /  16:03

Trump e o livro lançado em 1990 || Créditos: Getty Images/Reprodução

Uma cópia do livro “Sobrevivendo no Topo”, lançado por Donald Trump em 1990 e autografada por ele para os próprios pais, vai ser vendida em breve pela Moments in Time, uma casa de leilões da Califórnia especializada em memorabilia de celebridades. O item chegou aos donos da empresa através de um colecionador privado anônimo e é considerado valioso não somente por ter a letra de mão do 45º presidente dos Estados Unidos mas principalmente pela dedicatória assinada por ele.

“Para mamãe e papai, tudo de bom”, foi o que Trump escreveu para os progenitores, Mary Anne e Fred Trump. “Geralmente quando alguém assina algo para os pais, o mais comum é usar algo como ‘com amor’ e ser um pouco mais extenso, o que torna o autógrafo dele meio frio”, Gary Zimet, diretor da Moments in Time, explicou em entrevista ao “New York Post” na qual também revelou o lance mínimo que vai estipular para o livro raro: US$ 17,5 mil (R$ 54,6 mil).

Outro fato curioso é que o atual morador da Casa Branca queria lançar a obra com outro título: “Everybody Hates a Winner”, ou “Todo Mundo Odeia um Vencedor”, em tradução livre. Apesar de não ter conseguido isso, o trabalho chegou às lojas com muita expectativa e rendeu a ele mais de sete semanas consecutivas na lista dos maiores vendedores de livros nos Estados Unidos na época. (Por Anderson Antunes)