18.01.2012  /  8:30

Jorge Bispo e as capas de Qinho e Blubell fotografada em casa

Quando o fotógrafo é bom qualquer parede vira cenário, qualquer raio de sol vira flash e qualquer personagem vira retrato. O carioca Jorge Bispo, por exemplo, nosso supercolaborador das revistas do Grupo Glamurama, tem isso como filosofia.

* O apartamento dele no Jardim Botânico tem virado quase uma extensão do estúdio. A prova disso são as duas capas dos mais recentes álbuns de Qinho e Blubell. O que eles têm em comum? Além do olhar de Bispo, a varanda e a parede da sala do apê do fotógrafo como cenário. Olha só o registro se não é lindo:

A capa do CD de Qinho, "O Tempo Soa", e de Blubell, "Eu Sou do Tempo em que A Gente se Telefonava": cliques em casa