22.10.2020  /  11:28

Kylie Jenner topa desembolsar pequena fortuna para encerrar disputa judicial com marca de lingerie de NY

Kylie e Kendall Jenner  ||  Créditos: Reprodução

Processada no começo do ano por supostamente plagiar uma coleção de lingerie da Klauber Bros, Inc., uma fabricante de roupas íntimas com sede em Nova York, Kylie Jenner se acertou com seus acusadores para encerrar a disputa bem longe dos tribunais. Nessa quinta-feira foi confirmado que a ex-bilionária e os donos da Klauber Bros chegaram a um acordo financeiro dias atrás para colocar um ponto final no caso, mas a quantia que será desembolsada para isso – estimada em algumas centenas de milhares de dólares pela imprensa dos Estados Unidos – não foi revelada até agora.

Nos autos da ação arquivada em janeiro na Corte Superior de NY, Jenner foi acusada de plagiar alguns dos designs da Klauber Bros, conhecida por seus padrões de renda, nas calcinhas de sua própria marca de lingerie e biquínis, a Kylie Thong Panties. O fato de que ela optou por usar sua fortuna para acabar com a polêmica, no entanto, não indica que ela se sinta culpada. É que nesses casos envolvendo negócios de famosos, cujos advogados cobram honorários milionários, geralmente o menos custoso mesmo é pagar para se livrar de meses ou até anos de possível batalhas judiciais. (Por Anderson Antunes)