23.07.2019  /  9:50

Kris Jenner vai pagar mais de R$ 2 milhões por ano para ter ex-segurança de Britney Spears

Edan Yemini com a nova patroa || Créditos: Reprodução

Responsável pela organização da escolta de Britney Spears por mais de uma década, Edan Yemini tem uma nova patroa: Kris Jenner. O guarda-costas foi contratado há algumas semanas pela matriaca do clã Jenner/Kardashian, com salário anual na casa dos US$ 600 mil (R$ 2,25 milhões), e agora cuida dos detalhes de todos os “outings” dela, seja uma simples ida ao cabeleireiro ou uma viagem para a Europa. Jenner sempre se preocupou com esse tipo de coisa, mas se tornou particularmente paranoica com a própria segurança desde que Kim Kardashian foi vítima de um assalto de jóias digno de filme em 2016, em Paris.

Nesse caso, Yemini é de longe uma das melhores opções para protegê-la, por se tratar de alguém que tem um vasto currículo com passagens pelo Exército, Marinha e Força Áerea dos Estados Unidos e serviços prestados para algumas das maiores celebridades do mundo por meio da empresa que fundou assim que deixou a vida de militar nos anos 1990, a Black Box Security. Mas Spears foi a que mais tempo empregou o profissional, e que só abriu mão de tê-lo por perto porque hoje em dia já não leva uma vida tão agitada e cheia de riscos como em outras épocas. (Por Anderson Antunes)

Aqui o profissional aparece escoltando a princesinha do pop || Créditos: Reprodução