13.09.2018  /  9:36

Kevin Garnett, ex-astro da NBA, acusa contador de ter lhe roubado mais de R$ 317 mi

Kevin Garnett || Créditos: Getty Images

Um dos maiores nomes da história da NBA, Kevin Garnett recorreu à justiça do país para processar seus antigos agentes e contadores, que afirma terem lhe passado a perna em nada menos que US$ 77 milhões (R$ 317,6 milhões). O réu mais notório no caso é Michael Wertheim, conhecido no meio esportivo americano por cuidar das finanças de vários atletas famosos.

Segundo a versão apresentada por Garnett, o profissional se apropriou indevidamente dos montantes que mantinha em contas bancárias registradas em seu nome por meio de declarações e assinaturas falsas. Wertheim também teria deixado de recolher impostos devidos pelo gigante das quadras e supostamente usou parte dos rendimentos dele
para investir em negócios que não deram certo, sempre sem consultar o cliente.

Aposentado desde 2016, Garnett é considerado como o jogador mais bem pago da história da NBA no que diz respeito apenas aos salários que recebeu dos times que defendeu, que somaram US$ 334,3 milhões (R$ 1,38 bilhão) em mais de duas décadas. Ele também sempre faturou alto como garoto-propaganda de várias marcas e tem uma fortuna pessoal estimada em US$ 120 milhões (R$ 495 milhões), à parte o prejuízo que tomou e que agora será discutido nos tribunais. (Por Anderson Antunes)