26.07.2019  /  10:27

Kanye West entra na justiça para registrar a expressão “Sunday Service”. Lá vem polêmica…

Kanye West || Créditos: Reprodução

Sabe a última de Kanye West? Agora o marido de Kim Kardashian está tentando se tornar o dono da expressão “Sunday Service” (“Culto de Domingo”), tão comum nos Estados Unidos quanto um simplório “hello”. Segundo o “Women’s Wear Daily”, o rapper recentemente deu entrada na justiça americana em um pedido para transformar a expressão em marca registrada sob sua propriedade, com o objetivo único de utilizá-la para criar produtos de vestuário e afins. Como exatamente ele pretende ligar as pontas entre uma coisa e outra permanece uma incógnita…

West, no entanto, não pode ser tratado como um aventureiro no campo da moda, uma vez que a Yeezy – a marca de tênis que ele lançou em parceria com a Adidas – é um negócio que deverá terminar 2019 com receitas totais na casa do US$ 1,5 bilhão (R$ 5,67 bilhões), e dessa bolada pelo menos 10% lhe será paga a título de royalties. E pensar que não faz muito tempo o astro mais polêmico do hip hop estava pedindo quase a mesma quantia para Mark Zuckerberg nas redes sociais e sem a menor cerimônia… (Por Anderson Antunes)