27.01.2014  /  19:15

Jude Law admitiu ter sido traído por Sienna Miller. Aos fatos

Os rumores eram verdade: em 2005, Jude Law foi traído por Sienna Miller– acredite se quiser, glamurette. Segundo a revista “Vanity Fair”, o boato foi confirmado nesta segunda-feira, em Londres, quando Jude foi testemunhar em uma das audiências do julgamento de Andy Coulson e Rebekah Brooks, ex-editores do jornal “News of the World”, que fechou em 2011 por hackear telefones de celebridades. Para os advogados e todos os presentes, Law admitiu que viveu um triângulo amoroso com Sienna e Daniel Craig – ator que fez o papel de James Bond e amigo íntimo dele –, que na época estava namorando a produtora Satsuki Mitchell.

E mais: segundo o jornal “Evening Standard”, o ator sabia do affair entre Sienna e Daniel desde do início. Jude descobriu a traição logo depois do casamento da irmã de Sienna, Savannah, e fez questão de telefonar para Daniel e desabafar toda a sua indignação. Mas o pior ainda estava por vir: ainda nesta segunda-feira, durante a audiência, Jude Law ficou sabendo que um parente próximo recebeu dinheiro do “News of the World” para contar detalhes do triângulo amoroso. Eita!

* Oficialmente, Andy Coulson e Rebekah Brooks estão sendo acusados de autorizar pagamentos ilegais para funcionários públicos e interceptar mensagens de voz ilegalmente. Brooks ainda está sendo acusado de esconder evidência policial da justiça. Sienna e Jude foram apenas algumas das vítimas.