26.07.2018  /  16:04

Johnny Luxo prepara performance em desfile que vai reviver os tempos do Gallery

Johnny Luxo e Sandra Bréa, ícone dos anos 1970 e 80 || Créditos: Reprodução

O encerramento da 43ª  edição da Casa de Criadores, que começou nessa segunda e segue até sexta-feira, será marcada por convidado mais que especial. Johnny Luxo, DJ queridinho do Glamurama, vai fazer uma performance na abertura do desfile de Rober Dognani.

Marcada para as 21h, a apresentação de Dognani fará uma viagem aos áureos tempos do club Gallery, ícone nos anos 1980, homenageando alguns de seus principais habitués. É aí que Johnny entra: o DJ vai representar a atriz Sandra Bréa, sex symbol nas décadas de 1970 e 1980, que morreu precocemente aos 48 anos. Roberta Close, Xuxa e Luiza Brunet também estarão representadas.

“Estou superanimado porque amo o tema e sou fã da Sandra Bréa. Minha performance terá alguns gestos da própria Sandra que eu peguei no filme ‘Sábado Alucinante’ [1979], estrelado por ela, e também aquela afetação clássica das passarelas dos anos 1980, quando as modelos davam pivô, faziam caras e bocas”, adianta Johnny.

A trilha do desfile será assinada por Dognani e vai trazer clássicos da disco music que embalavam a ferveção na época.

Nesta temporada, a semana de moda mais underground de São Paulo acontece no MAC (Museu de Arte Contemporânea de São Paulo) da USP, em São Paulo. No mesmo dia, se apresentam também Ale Brito, Igor Dadona, Heloisa Faria e Brechó Replay.

Abaixo, aqueça os motores com clipe de Sandra Bréa chegando em uma festa no filme “Sábado Alucinante”(1979).