12.03.2019  /  9:00

Jeff Goldblum resgata frase que disse em “Parque dos Dinossauros” para criticar cientistas americanos

Jeff Goldblum || Créditos: Getty Images

Eternizado como o Dr. Ian Malcolm de “Jurassic Park”, Jeff Goldblum comentou com bom humor uma notícia de 2015 segundo a qual cientistas das universidades de Harvard e Yale, ambas dos Estados Unidos, estão tentando recriar dinossauros em laboratório. “Vocês cientistas se preocupam demais com o que podem ou não fazer e não pensam se ‘devem’ fazer certas coisas”, o ator de 66 anos postou no Twitter no último sábado. A frase é a mesma dita pelo personagem dele em uma cena antológica do filme lançado em junho de 1993, que faturou mais de US$ 1 bilhão (R$ 3,87 bilhões) nas bilheterias mundiais e rendeu várias sequências.

Semanas atrás, Goldblum também usou o microblog para fazer piada sobre um encontro recente dos colegas veteranos Laura Dern e Sam Neill (respectivamente a Dra. Ellie Sattler e o Dr. Alan Grant na superprodução dirigida por Steven Spielberg). “Sim, é sempre assim que começa. Mas, mais tarde, sempre há correria e gritaria”, ele tuitou.

Voltando ao trabalho que está sendo feito pelos cientistas americanos (de verdade), quem coordena tudo é o Dr. Jack Horner, o mesmo que inspirou Spielberg a encomendar o roteiro para o longa que estreava nos cinemas há quase 26 anos, e que foi rebatizado como o personagem que Neill acabou interpretando na telona. Tomara que o profissional tenha mais sorte que o personagem para o qual serviu de exemplo… (Por Anderson Antunes)

*

Abaixo, o tuíte de Goldblum sobre a recriação em laboratório de dinossauros, e em seguida o comentário dele sobre o encontro de Dern e Neill: