Implantes de glúteos aumentaram 22% nos Estados Unidos durante a pandemia. Saiba tudo sobre isso!

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0

E não é que os bumbuns bombaram durante a pandemia nos Estados Unidos? Glamurama explica: é que de acordo com a Sociedade Americana de Cirurgia Plástica, o procedimento cirúrgico estético mais popular no país desde que a Covid-19 mudou a rotina de todos foi o implante de glúteos, com um aumento de 22% na comparação com o período imediatamente anterior (março de 2019 a março de 2020).

Mas, de maneira geral, tanto a realização de procedimentos minimante invasivos, como preenchimentos com botox e ácido hialurônico, quanto daqueles que requerem mais cuidados e tempo de recuperação, tal como implantes capilares, caíram bastante entre março de 2020 e março deste ano em terras americanas. Os motivos por trás desses altos e baixos ainda estão sendo estudados, mas várias teorias estão sendo consideradas.

Uma delas tem a ver com o fato de que a quarentena levou muitas pessoas a deixarem um pouco de lado a vaidade, ao passo que aquelas que foram no caminho inverso podem ter sido influenciadas pelas celebridades que viram com mais frequência nas redes sociais justamente por causa do tempo livre que o home office possivelmente lhes proporcionou, o chamado “efeito Kim Kardashian”. (Por Anderson Antunes)