11.11.2020  /  15:42

Hugh Grant usa seu humor britânico para contar como descobriu que estava com Covid-19: “Borrifei Chanel nº 5 no rosto e não senti nada”

Hugh Grant // Getty Images

Hugh Grant abriu o jogo em entrevista no The Late Show com Stephen Colbert, nessa semana. O ator britânico de 60 anos revelou que testou positivo para COVID-19 no início do ano e disse que teve sintomas incomuns: “Tudo começou como uma síndrome muito estranha, em que suava terrivelmente. Era como um poncho de suor que formava na roupa, realmente constrangedor”, lembrou Grant. “Meus globos oculares pareciam três vezes maiores e tinha a sensação de que uma pessoa enorme estava sentada em meu peito, uma espécie de Harvey Weinstein ou alguém assim”, contou ele divertido. “Pensei, ‘Não sei o que é isso’, e então estava andando na rua um dia e pensei, ‘Não consigo sentir o cheiro de nada’, e comecei a entrar em pânico”, acrescentou.

Grant disse que começou a “cheirar flores” para ter certeza de que tinha o sintoma: “E você fica cada vez mais desesperado – comecei a farejar latas de lixo. Sabe, você quer cheirar as axilas de estranhos porque simplesmente não consegue sentir o cheiro de nada. Finalmente cheguei em casa e borrifei Chanel nº 5 da minha mulher direto no meu rosto. Não senti nada, mas fiquei cego!”, brincou.

Hugh Grant, que está em destaque agora por estrelar, ao lado de Nicole Kidman, o novo thriller da HBO, ‘The Undoing’, falou também sobre a quarentena com os filhos pequenos e das coisas que aprendeu nesse período de isolamento: “Comecei cortando o cabelo da Barbie da minha filha por puro tédio e descobri que era extremamente talentoso. Então comecei a cortar o cabelo dos meus filhos, quer eles quisessem ou não. Eu apenas os prendi a uma cadeira e cortei seus cabelos.” Sobre como ele se classifica como pai, o galã inglês brincou: “Diria que sou encantador, mas não sei o que as crianças diriam.” Play pra conferir a entrevista completa (em inglês):