Matthew Perry e Julia Roberts em cena de "Friends"
Matthew Perry e Julia Roberts em cena de “Friends” || Créditos: Reprodução

História sobre ponta de luxo de Julia Roberts em ‘Friends’ é revelada depois de 25 anos pelo criador da sitcom

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0
Matthew Perry e Julia Roberts em cena de "Friends"
Matthew Perry e Julia Roberts em cena de “Friends” || Créditos: Reprodução

Em entrevista recente para a “The Hollywood Reporter”, Kevin Bright – um dos criadores de “Friends” – revelou os detalhes sobre a produção de um dos momentos mais marcantes da icônica sitcom: a participação de Julia Roberts em um de seus episódios, em 1996. De acordo com Bright, quem teve a ideia de convidar a atriz para fazer uma ponta de luxo na atração foi Matthew Perry, que nela interpretava o sempre engraçadinho Chandler Bing.

“O Matthew enviou um fax para a Julia a convidando para gravar com a gente, e ela respondeu logo em seguida dizendo que só toparia se ele escrevesse uma tese sobre física quântica”, Bright relembrou no bate papo com a publicação hollywoodiana. “E daí no dia seguinte ele enviou a tese por fax”, completou o roteirista, que no momento trabalha no revival de “Friends” que a HBO Max está preparando.

Ainda segundo Bright, a troca de fax entre Roberts e Perry evoluiu para um flerte à distância. “A Julia começou a sacar o que tava rolando, e mais pra frente perguntou pro Matthew por que deveria sair com ele. E então nós da equipe [de roteiristas] começamos a ajudá-lo com as melhores respostas, tudo por fax”, contou o parceiro dos também roteiristas Marta Kauffman e David Crane.

Roberts atuou no episódio intitulado “That One After the Superbowl”, da segunda temporada de “Friends”, que como o nome indica foi exibido depois do Super Bowl de 96 e por isso “herdou” parte da audiência do evento esportivo, ou exatamente 52,9 milhões de telespectadores, razão pela qual entrou para a história como o mais assistido de toda a série. E, dali pra frente, a eterna estrela de “Uma Linda Mulher” ainda engatou um namoro com Perry que durou cerca de um ano. (Por Anderson Antunes)