17.02.2021  /  17:06

Gwyneth Paltrow desabafa sobre sua luta contra as sequelas da Covid-19: “Fadiga e confusão mental”

Gwyneth Paltrow / Crédito: Instagram

Gwyneth Paltrow usou o seu site, Goop, para fazer um desabafo. A atriz conta que, logo no início da pandemia, travou uma luta contra a COVID-19. Ela revelou que, mesmo depois de curada, seguiu apresentando sintomas como fadiga e confusão mental.

Esse problema, na verdade, tem se mostrado bastante comum entre a turma que testou positivo para coronavírus. Estudos relacionados à doença mostram que 80% das pessoas que tiveram Covid-19 ainda exibem sintomas semanas e até meses depois de estarem  livres do vírus. “Peguei Covid muito cedo e tive alguns efeitos a longo prazo, como fadiga e confusão mental. Agora em janeiro fiz alguns testes que mostraram níveis muito altos de inflamação no meu corpo. Então fui atrás de um dos maiores especialistas que conheço, o Dr. Will Cole. Ele viu meus exames e me explicou que a estrada até a recuperação seria mais longa que o habitual”, explicou Gwyneth.

Para manter a saúde, a atriz, que é famosa por levar uma vida saudável, passou a cuidar ainda mais do próprio corpo, intensificando sua rotina de exercícios e melhorando ainda mais os cuidados alimentares, cortando radicalmente açúcar e álcool. “Eu tenho cozinhado muito (…) Também estou tomando suplementos. Tudo o que faço é para me sentir melhor, como um presente para o meu corpo. Estou malhando de manhã e fazendo muita sauna, tudo a serviço da minha recuperação”.

Desde o surgimento da Covid-19, Gwyneth tem levado a sério o isolamento social, se mantendo a maior parte do tempo em casa com o marido, o produtor de cinema e TV Brad Falchuck, e os dois filhos, Apple (16 anos) e Moses (14 anos). Todo cuidado é pouco!