20.09.2020  /  9:00

Graças ao sucesso de água mineral, ex-pedreiro foi o homem mais rico da China por alguns minutos nessa semana

Zhong Shanshan, o fundador da Nongfu Spring || Créditos: Reprodução

Por apenas alguns minutos da última quarta-feira, Zhong Shanshan foi o homem mais rico da China graças ao sucesso que sua empresa de água mineral, a Nongfu Spring (que quer dizer Primavera do Fazendeiro, em tradução livre), está fazendo na Bolsa de Valores de Hong Kong. A companhia abriu seu capital por lá no começo do mês, e desde então seu papel se tornou o mais desejado pelos investidores que atuam nos mercados asiáticos.

Fundada em 1996 por Shanshan, um ex-pedreiro, a Nongfu Spring usa as águas do lago Qiandao, que fica na província chinesa de Zhejiang, para fazer seus produtos – a região é conhecida pelos vários lagos de água doce puríssima que tem. Campeã de vendas em toda a Ásia, a Nongfu Spring atua no segmento de águas minerais diferenciadas porém sem cobrar os mesmos preços de suas concorrentes europeias.

Às cifras: dono de mais de 70% das ações da Nongfu Spring, Shanshan viu sua fortuna ultrapassar a do empresário de internet Ma Huateng na lista dos maiores bilionários de seu país no pregão de quarta passada. Com seus US$ 58,3 bilhões (R$ 308,9 bilhões), Huateng recuperou o título em pouco tempo, e Shanshan agora aparece logo atrás dele, com um patrimônio estimado em US$ 54,1 bilhões (R$ 286,6 bilhões). (Por Anderson Antunes)