09.06.2018  /  9:00

E no meio da conversa, Giovanna Antonelli dispara: “Agora, com esse personagem, decidi que vou lançar um CD”

Giovanna Antonelli || Créditos: Reprodução/ Instagram/ Fernando Torquatto

Música não é exatamente novidade para Giovanna Antonelli, que interpreta a DJ Ariella/ Luzia em “Segundo Sol”. “Quando eu era Angeliquete [assistente de palco de Angelica], cantava, mas era tipo uma brincadeira. Agora, com esse personagem, decidi que vou lançar um CD. Mentira!”, disse a atriz, fazendo piada. “Mas meu pai [o cantor de ópera Hilton Prado] trabalhou com música a vida inteira. Eu cresci no Theatro Municipal. Quando tinha espetáculo, eu e meu irmão dormíamos naqueles bancos da plateia. Fiz aula de canto no passado, mas parei. Quando soube que ia cantar na novela, a primeira pessoa para quem liguei foi meu pai. E ele disse: ‘Parou de estudar, né…’ É que estudei com ele muito tempo…”

E leva jeito? Naquelas rodinhas de violão entre amigos, será que Giovanna se arrisca? “Quantas vezes! Gosto de cantar tudo. Foco muito nos anos 80. Legião, Paralamas… Eu sou inimiga do fim. Fico cantando até de manhã, me achando. É péssimo. Meu marido fala: ‘Amor, já deu, né? Vamos dormir junto gostoso, caminha?’ E eu: ‘Não, peraí…'”

Sobre o visual de Ariella, a atriz confessa: “Esse cabelo fica mais bonito quando eles [a equipe de caracterização da Globo] arrumam, né… Em casa, confesso que estou sofrendo, mas aprendendo… Dou uma prendida, faço um rabo. Mas assumo que preservo bem o babyliss da gravação. Tento suar pouco. Agora inverno é mais fácil”. De qualquer forma… “Eu amei! Uma cara que eu nunca tinha tido. E deu um ar moderno, um lance que tem a ver com a personagem”. (por Michelle Licory)