Gilson Rodrigues, Alaide Costa, Padre Julio Lancellotti e demais personalidades participam de série documental sobre “realeza popular”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0
Gilson Rodrigues, Alaide Costa e Padre Julio Lancellotti | Reprodução: Divulgação

Em formato de minidocumentário, a Monarquia Popular Brasileira é uma série no Instagram que retrata os reis e rainhas de nossa cultura e cotidiano. Até 30 de abril serão exibidos oito episódios gravados remotamente, que exibem moradores da capital paulista coroados pela comunidade por sua atuação e legado, seja no ativismo ou nos palcos, passando pela sala de aula e pelo empreendedorismo na periferia da cidade. Entre os personagens do projeto estão: Gilson Rodrigues, liderança comunitária de Paraisópolis e idealizador do G10Favelas; a drag queen Tchaka, ícone da Parada LGBTQIA+ paulistana, vivida pelo ator Valder Bastos; Juliana Schiezard, jovem artista que ressignifica calçados usados e movimenta a economia local de seu bairro na Zona Norte com a sua marca From Ghetto, To Ghetto; Adenilson Santos, personagem marcante dos karaokês do bairro da Liberdade (em memória); Elinéia Gomes, fundadora da cooperativa Rainha da Reciclagem; Débora Garofalo, criadora do projeto Robótica com Sucata, finalista no Global Teacher Prize, o “Nobel da educação”; Alaíde Costa, cantora e compositora; e Padre Júlio Lancellotti, coordenador da Pastoral do Povo de Rua e defensor de direitos humanos. Confira o trailer.