21.06.2016  /  9:44

Geração pós-1994 é fotografada por artista na África do Sul e Ruanda

Mostra "1994" de Pieter Hugo. Ruanda, 2014 || Créditos: Cortesia Stevenson/ Reprodução
Mostra “1994” de Pieter Hugo. Ruanda, 2014 || Créditos: Cortesia Stevenson/ Reprodução

Conhece o fotógrafo sul-africano Pieter Hugo? Se não, sua mais recente exposição, “1994”, é uma ótima ponte de introdução à sua obra. A série compreende retratos de crianças nascidas depois de 1994 em dois países: África do Sul – no ano em que acabou o apartheid – e Ruanda – ano do genocídio no país que matou cerca de 800 mil pessoas. Essa geração nascida depois dos dois episódios foi fotografada em aldeias, mostrando o contraste entre a natureza e os conflitos do homem, com o artista trabalhando a metáfora de que quanto mais você deixa a cidade e seus sistemas de controle, mais primitivas as coisas se tornam. Nos cliques, as crianças aparecem em alguns momentos em retratos conservadores e ordenados e em outros com algo de feroz, remetendo a um lugar desprovido de regras.

A mostra “1994” está em exibição na galeria Stevenson, na Cidade do Cabo, até 16 de julho. Imagens cortesia de Stevenson.