23.03.2020  /  9:36

Funcionário do Palácio de Buckingham, a residência oficial de Elizabeth II em Londres, está com Covid-19

Elizabeth II || Créditos: Reprodução

Poucos dias depois de deixar o Palácio de Buckingham rumo ao Castelo de Windsor para se proteger do novo coronavírus na fortaleza medieval, a rainha Elizabeth II foi informada nesse fim de semana que um funcionário de sua residência oficial mais famosa de Londres testou positivo para a doença no começo da semana passada, e portanto antes da troca de endereço temporária da monarca. Todos os outros funcionários com os quais o infectado com Covid-19 manteve contato foram ordenados a permanecerem isolados em casa desde então. Elizabeth II, de 93 anos, tem se mostrado firme e serena em relação à pandemia que assusta boa parte do planeta, talvez por ter visto coisas piores em suas quase sete décadas de reinado.

De qualquer forma, Sua Majestade cogita fazer um pronunciamento oficial aos súditos em breve, em transmissão ao vivo pela televisão, a fim de passar para eles sua calma. Foram raríssimas as ocasiões em que a chefe de Casa Real de Windsor fez coisas parecidas no passado, sendo que a mais recente data de 2002, quando ela disse algumas palavras na TV depois da morte de sua mãe. Antes disso, só em 1997, na ocasião da morte da princesa Diana, e em 1991, durante a Guerra do Golfo, que a ocupante do trono mais importante do mundo teve a mesma atitude. (Por Anderson Antunes)