07.12.2016  /  16:17

“Fosca” de Carlos Gomes encerra temporada lírica do Municipal de SP

cine-opera
Fosca, de Carlos Gomes, encerra a temporada lírica 2016 do Theatro Municipal de SP || Créditos: Divulgação / Arthur Costa.

O Theatro Municipal de São Paulo estreia a última ópera de sua temporada lírica 2016 nesta quarta-feira. A montagem inédita de “Fosca”, que ganha os palcos do Municipal, tem direção cênica, cenografia, figurinos, desenho de luz e coreografia assinados por Stefano Poda. A direção musical é de Eduardo Strausser, que rege também a Orquestra Sinfônica Municipal (OSM). O Coro Lírico Municipal, sob regência de Bruno Greco Faccio, e o Balé da Cidade de São Paulo participam da encenação. No papel da Fosca se revezam Nadja Michael e Chiara Taigi. Os papéis principais masculinos ficaram a cargo de Marco Vratogna e Leonardo Neiva; Luiz-Ottavio Faria e Łukasz Goliński e Thiago Arancam e Sung Kyu Park.

Sexta ópera composta por Carlos Gomes, Fosca foi concebida com libreto em italiano. O compositor foi o mais importante autor brasileiro de ópera e o primeiro a ter destaque no meio lírico europeu. Em 2016 celebra-se os 180 anos de seu nascimento e 120 anos de sua morte.

As récitas acontecem ainda nos dias 8, 10, 11, 13, 15 e 17 de dezembro – de segunda a sábado, a partir das 20h, no domingo, às 17h. Os ingressos variam de R$ 50 a R$ 160, com meia entrada para todos os setores.