19.11.2018  /  10:23

Forte candidato ao próximo Oscar, Alfonso Cuarón termina namoro de 7 anos com joalheira britânica

Sheherazade Goldsmith e Alfonso Cuarón || Créditos: Getty Images

Um dos cineastas estrangeiros mais festejados em Hollywood atualmente e desde já candidatíssimo ao Oscar de 2019 com o longa semi-autobiográfico “Roma”, o mexicano Alfonso Cuarón deverá circular sozinho pelos tapetes vermelhos da próxima temporada de premiações na terra do cinema. Há sete anos namorando a joalheira britânica Sheherazade Goldsmith, o diretor de “Gravidade” rompeu a relação abruptamente há alguns dias por motivos ainda desconhecidos, porém os mais próximos do agora ex-casal apostam que a decisão é definitiva.

Workaholic assumido, Cuarón está na estrada desde o fim de agosto promovendo “Roma”, no qual aborda sua infância e adolescência no México da década de 1970. A elogiada produção levou o Leão de Ouro do último Festival de Veneza e foi selecionada pelo vizinho dos Estados Unidos para representá-lo na disputa por uma indicação a Melhor Filme Estrangeiro da próxima grande noite do cinema.

Ele já tem dois Oscars no currículo, de Melhor Diretor e Melhor Edição de Imagem, ambos faturados pela ficção científica de 2013 co-estrelada por Sandra Bullock e George Clooney que também fez o maior sucesso nas bilheterias internacionais, com mais de US$ 723,2 milhões (R$ 2,72 bilhões) faturados com ingressos vendidos. (Por Anderson Antunes)