07.01.2018  /  9:00

Férias! Conheça alguns paraísos escondidos do Brasil que valem a viagem

Parque Municipal Lagoinha do Leste, Palmas, Ilha de Marajó e Alter do Chão || Créditos: Divulgação

Capitais como Florianópolis, Fortaleza e Salvador já são consagradas na rota de turistas que viajam pelo Brasil. Porém, o país é privilegiado com muitos destinos com imenso potencial turístico, mas que fogem do radar dos viajantes, seja por falta de informação, seja pela dificuldade de acesso. Paraísos escondidos como Lagoinha do Leste (SC), Monte Roraima (RR) e Icaraí da Amontoada (CE) oferecem experiências autênticas para quem se atreve a desbravá-los. O Voopter selecionou alguns deles.

Parque Municipal Lagoinha do Leste

Com passagens de ida e volta a partir de R$ 257, o aeroporto de Florianópolis é o ponto de partida para o Parque Municipal Lagoinha do Leste, uma área de 480 hectares de Mata Atlântica atrás dos morros do sul da Ilha de Santa Catarina, com lagoa, cachoeiras e uma praia paradisíaca, com acesso feito somente por trilhas – percurso de uma a três horas caminhando para chegar na faixa de areia. O esforço é recompensado pela paisagem, que revela a praia mais conservada da região envolta pela intocada e exuberante natureza.

Ilha de Boipeba
Reduto de sossego, tranquilidade e muita beleza, a ilha de Boipeba, na Bahia, fica a um voo de táxi aéreo de meia hora de sua capital, Salvador – que, de acordo com o Voopter, tem preço de passagens a partir de R$ 539, ida e volta. Ideal para quem aprecia praias desertas, águas calmas e noites estreladas.

Ilha de Boipeba || Créditos: Getty Images

Palmas
Já por um valor a partir de R$ 373, viajantes chegam a Palmas, capital tocantinense e porta de entrada para o Parque Estadual do Jalapão, destino que encanta os apaixonados por ecoturismo com uma vasta oferta de cachoeiras, dunas, piscinas naturais, chapadas e fervedouros. Com uma área maior que os Estados de Sergipe e Alagoas, o Jalapão é um destino que se mantém preservado do turismo de massa por conta da dificuldade de acesso. Recomenda-se contratar, em Palmas, um pacote turístico que inclua guia, hospedagem, passeios e transporte até o Parque, já que a maioria das estradas não é asfaltada.

Ilha de Marajó e Alter do Chão

Na região Norte do País, o Pará abriga dois tesouros escondidos: a ilha de Marajó, que fica a 3h30 de Belém por meio de navegação fluvial, seja em balsa ou navio, e Alter do Chão, que já se tornou um destino até que concorrido entre a turma mais descolada. De acordo com o levantamento do Voopter, é possível voar para Belém a partir de R$ 613, ida e volta. Dentro do maior arquipélago fluviomarinho do mundo, a ilha de Marajó marca o encontro dos rios Amazonas e Tapajós com o oceano. As cidades de Soure e Salvaterra são as principais do pedaço e onde se encontram as atrações mais importantes, como a fazenda de búfalos São Jerônimo e a praia de Barra Velha. Alter do Chão, por sua vez, tem como protagonista o rio Tapajós e foi eleita a praia mais bonita do Brasil pelo jornal britânico The Guardian. Localizado no município de Santarém, o destino é considerado o Caribe da Amazônia – e vale cada segundo da longa jornada até lá.

Monte Roraima
Ainda na parte Norte do país, outro paraíso escondido é o Monte Roraima, cujo território é dividido entre Brasil, Venezuela e Guiana. O aeroporto de Boa Vista, capital de Roraima, é onde desembarcam os viajantes brasileiros que desejam fazer a expedição pelo incrível e histórico tepui (tipo de montanha em formato de mesa). O custo das passagens de ida e volta começa em R$ 921. A melhor opção é começar a subida ao monte pelo lado venezuelano – para isso, quem chega de Boa Vista pode cruzar a fronteira pela BR-174.

Monte Roraima || Créditos: Getty Images

 

Icaraí de Amontoada
Para completar, a cerca de 200 quilômetros de Fortaleza, no Ceará, a praia de Icaraí de Amontoada é um destino pouco conhecido pelos turistas que frequentam o Estado, exceto pelos kitesurfers, que encontraram ali um verdadeiro paraíso. Com infraestrutura fraca e poucas opções de hospedagem e gastronomia, Icaraizinho, como é conhecido pelos cearenses, oferece atrativos para quem quer se reconectar com a natureza e se aventurar pelas dunas e lagoas da região. É possível encontrar voos de ida e volta com preços a partir de R$ 729.

Icaraizinho || Créditos: Getty Images