04.06.2014  /  16:58

Família que fundou Walmart investe pouco em própria instituição social

Sam Walton, cofundador da Walmart, e sua mulher Helen Walton

A família Walton, considerada a mais rica dos Estados Unidos, é também a mantenedora de uma das maiores fundações filantrópicas do país, a Walton Family Foundation. A instituição tem ativos de mais de US$ 2 bilhões, e somente no ano passado investiu cerca de US$ 325 milhões em diversos projetos filantrópicos.

Também foi a Walton Family Foundation que financiou a construção do Crystal Bridges Museum, dedicado à arte norte-americana que consumiu investimentos de US$ 1,2 bilhão. Inaugurado em 2011 em Bentonville, no Arkansas, o museu fica próximo da sede mundial do Wal-Mart, a rede varejista da qual os Walton são os fundadores e controladores.

Mas os Walton estão sendo criticados pela imprensa americana por serem “mãos fechadas”. É que em todos os anos de existência da Walton Family Foundation, o valor total que eles doaram para a fundação foi somente US$ 58,49 milhões, sendo que o restante do dinheiro foi doado por terceiros. A fortuna combinada da família Walton é estimada em US$ 139,9 bilhões. (por Anderson Antunes)