03.08.2020  /  10:21

Virginia Giuffre, uma das vítimas de Jeffrey Epstein, afirma que o príncipe Andrew ‘adorava’ seus pés. Aos fatos!

Virginia Giuffre || Créditos: Reprodução

Podolatria parece ser um dos fetiches do príncipe Andrew, que adorava lamber entre os dedos dos pés de Virginia Giuffre, uma das vítimas do esquema sexual que teria sido orquestrado pelo falecido multimilionário Jeffrey Epstein. Em depoimento por escrito às autoridades dos Estados Unidos que investigam os crimes sexuais atribuídos a Epstein e à namorada dele, Ghislaine Maxwell, Giuffre revelou essa e outras preferências sexuais do filho favorito da rainha Elizabeth II, apesar de que as mais picantes ela promete entregar apenas no livro que está oferecendo para grandes editoras americanas desde a prisão de Maxwell, no começo de julho, e que intitulou “The Billionaire Playboy’s Club”.

De acordo com a autora da obra ainda não apadrinhada por nenhum publisher de renome dos EUA, os encontros promovidos por Epstein em suas propriedades sempre contavam com a presença de vários homens que além do poder e da fama tinham os gostos sexuais menos ortodoxos também em comum. “Não era fácil satisfazer os desejos sexuais deles, sobretudo os do príncipe”, Giuffre, hoje com 36 anos, disse em uma entrevista que deu ao “Daily Mail” nesse fim de semana. “Ele adorava meus pés, mas nunca existiu intimidade entre nós, eu era apenas mais uma garota para ele, e para mim ele era apenas mais um trabalho”, ela contou no bate papo.

Epstein, que teria se suicidado na prisão poucas semanas depois de ser preso em agosto do ano passado, supostamente recrutou Giuffre para seu esquema nos últimos anos de adolescência dela, que era menor de idade na época. Uma espécie de “preferida” de Andrew, a agora escritora afirma ter encontrado o “royal” em mais de uma ocasião e geralmente no rancho do ex-rei de Wall Street no Novo México, conhecido como Zorro, e costumava embolsar US$ 1 mil (R$ 5.279) em dinheiro por cada um desses encontros. (Por Anderson Antunes)

Andrew e Giuffre durante um dos encontros dos dois || Créditos: Reprodução