26.02.2020  /  9:36

Ex-mulher de Harvey Weinstein está namorando Adrien Brody, o vencedor do Oscar por “O Pianista”

Adrien Brody e Georgina Chapman || Créditos: Reprodução

Georgina Chapman, a ex-mulher de Harvey Weinstein que anda sumida desde a queda sem precedentes do produtor no universo hollywoodiano, finalmente encontrou um novo amor. E o eleito da estilista também é famoso – ele é Adrien Brody, vencedor do Oscar por “O Pianista”, filme de 2002 dirigido por Roman Polanski, outro polêmico bambambã da terra do cinema acusado de ter cometido crimes sexuais. Coincidências à parte, o que se sabe por enquanto é que os dois se conheceram em abril do ano passado, por intermédio de amigos em comum, e mantiveram contato desde então. Mas nas últimas semanas eles decidiram que já estava na hora de definir que estão namorando pra valer.

No momento, Chapman e Brody estão tratando da relação com toda a discrição do mundo, por razões óbvias. Mas já tem gente apostando que o casal vai fazer seu début nos tapetes vermelhos em julho, quando chega aos cinemas o novo trabalho do ator, “The French Dispatch”. Por se tratar de uma superprodução dirigida por Wes Anderson e com um elenco que inclui nomes como Benicio del Toro, Tilda Swinton, Frances McDormand, Bill Murray, Owen Wilson e Timothée Chalamet, serão várias premières mundo afora.

Antes de ter seu nome envolvido no escândalo protagonizado por aquele com quem foi casada entre 2007 e 2017, Chapman – que é sócia da grife Marchesa junto com Keren Craig – era a designer favorita de várias estrelas quando o assunto era brilhar nesse tipo de evento. Scarlett Johansson, Jennifer Lopez e Cate Blanchett eram algumas das clientes favoritas dela, mas todas sumiram quando Weinstein foi revelado como o maior predador sexual da história de Hollywood. Chapman e Weinstein se divorciaram no começo de 2018, depois que chegaram a um acordo que rendeu a ela algo entre US$ 15 milhões (R$ 65,9 milhões) e US$ 20 milhões (R$ 87,9 milhões). (Por Anderson Antunes)