13.03.2017  /  10:43

Em entrevista, ex-affair de Diana nega ser pai do príncipe Harry

James Hewitt e o príncipe Harry || Créditos: Getty Images
James Hewitt e o príncipe Harry || Créditos: Getty Images

Um dos rumores que assombravam a monarquia britânica há anos foi esclarecido na noite desse domingo. James Hewitt, ex-membro do seletíssimo regimento de cavalaria responsável pela proteção da rainha Elizabeth II, negou que seja pai do príncipe Harry em uma entrevista que concedeu para um canal de televisão da Austrália.

Nos anos 1980, Hewitt trabalhou como monitor de equitação da princesa Diana, com quem afirma ter vivido um affair de mais de cinco anos. Foi nessa época que surgiram os primeiros boatos sobre a paternidade do quinto na linha de sucessão ao trono britânico. “Não sou o pai de Harry e imagino que essa história sobrevive até hoje porque vende jornais”, Hewitt disse na entrevista. A declaração dele é um dos assuntos do dia no Reino Unido mas, é claro, está sendo solenemente ignorada pelo Palácio de Kensignton, a residência oficial do príncipe. (Por Anderson Antunes)