22.02.2019  /  7:07

Em conversa com colegas de elenco em “Empire”, Jussie Smollett afirma que é inocente

Jussie Smollett || Créditos: Getty Images

Preso nesta quinta-feira sob suspeita de ter forjado contra si mesmo um ataque homofóbico e racista que denunciou às autoridades americanas no fim de janeiro, Jussie Smollett pediu desculpas para seus colegas de elenco em “Empire” pela confusão que supostamente teria criado. “Eu sinto muito por ter envolvido vocês nisso tudo e por não ter atendido nenhuma ligação que recebi nos últimos dias”, o ator de 36 anos disse a eles, de acordo com o site “TMZ.com”. “Eu só queria me desculpar e também dizer que nunca faria mal nenhum a vocês, que são minha família. Eu juro por Deus que sou inocente de tudo isso que me acusam”, completou.

Smollett, que é gay assumido, foi solto sob uma fiança de US$ 100 mil (R$ 376,2 mil) horas depois da prisão, e em seguida seguiu para os estúdios onde são gravadas as cenas da série da “Fox”, em Los Angeles, onde se encontrou com os outros astros da atração e deu sua versão dos fatos. Ele agora será julgado pelo crime de queixa falsa de agressão, cuja pena máxima é de três anos atrás das grades. A rede americana de televisão, aliás, se limita a dizer que está “fazendo considerações e analisando opções” sempre que é questionada pela imprensa sobre o imbróglio, que afirma estar tratando como prioridade. (Por Anderson Antunes)