10.11.2020  /  12:01

Efeito Jill Biden! Vestido de R$30 mil usado pela próxima primeira-dama dos EUA no evento da vitória esgota em poucas horas

Joe e Jill Baden na festa da vitória das eleições || Créditos: Getty Images

Kate Middleton pode perder o posto de melhor garota propaganda das marcas de roupas do mundo, desde as fast fashions até alta-costura, que ela conquistou ao fazer as alegrias das labels com o seu poder de “venda”. Todas as vezes em que ela aparece com uma peça, a mesma esgota em pouquíssimo tempo. E quem poderia roubar o seu lugar? Jill Biden, de 69 anos, a próxima primeira-dama dos Estados Unidos.

O vestido Oscar de la Renta de US$ 5.690 (R$30.720) usado no comício da vitória do seu marido Joe Biden, e a vice-presidente Kamala Harris no palco em Wilmington, Delaware, no sábado, esgotou em poucas horas. O vestido de flores bordadas, drapeado de crepe midi com mistura de lã azul meia-noite apresentava bordados florais de videira, que a maison sugeriu ser um sinal de esperança. E os americanos esperam que ela traga um senso de estilo mais identificável para a Casa Branca, algo que Melania Trump não conseguiu com suas roupas polêmicas.

Tanto que a escolha do designer também teve significado político. Os designers responsáveis pela criação do vestido, Fernando Garcia e Laura Kim, são imigrantes nos Estados Unidos, e Oscar de la Renta também, nascido na República Dominicana. Ele sempre foi um dos estilistas favoritos das primeiras-damas, entre elas, Jackie Kennedy, Michelle Obama, Laura Bush, Nancy Reagan e Hillary Clinton.

Embora Jill Biden não tenha medo de enviar uma mensagem com suas roupas – ela saiu com botas com a palavra ‘VOTE’ enquanto estava na campanha – suas recentes aparições sugerem que ela será a favor de uma abordagem mais discreta da moda. Agora é esperar pra ver!

O vestido Oscar de La Renta feito sob medida para Jill Biden || Créditos: Reprodução