Dolce e Gabbana são condenados a 18 meses de prisão. Aos fatos

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0
Dolce & Gabbana atrás das grades?

Saiu a sentença dos estilistas Domenico Dolce e Stefano Gabbana, nesta quarta-feira: 18 meses de prisão. Eles são processados por sonegação de impostos em quase US$ 1 bilhão e foram condenados pelo Tribunal de Apelação de Milão. O advogado da dupla, Massimo DiNoia, já informou que deve recorrer.

Em tempo, a justiça italiana afirma que tudo começou entre 2004 e 2005, quando foi criada uma empresa de fachada em Luxemburgo, repassando o controle das marcas do grupo para escapar das autoridades fiscais italianas. No julgamento em primeira instância, em 2013, os dois foram condenados a um ano e oito meses de prisão. A sentença foi reduzida na apelação e alguns dos crimes atribuídos à dupla foram prescritos.