29.05.2019  /  11:32

Divorciada de Jeff Bezos, Mackenzie Bezos vai doar metade dos quase R$ 140 bi que recebeu dele

O ex-casal Jeff e Mackenzie Bezos || Créditos: Reprodução

Mackenzie Bezos, que foi alçada ao posto de quarta mulher mais rica do mundo assim que oficializou seu polêmico divórcio de Jeff Bezos, se tornou nessa terça-feira a mais nova integrante do “The Giving Pledge”, o “clubinho” formado por bilionários de vários lugares e fundado em 2010 por Bill Gates e Warren Buffett que só permite a entrada de membros que se comprometem, com papel e assinado e tudo mais, a doar pelo menos a metade de suas fortunas de dez dígitos para a caridade ainda em vida.

Em abril, Mackenzie recebeu do agora ex-marido um quarto das ações da Amazon que pertenciam a ele, e que equivalem a 4% do capital da gigante do e-commerce. Traduzindo em cifras, trata-se de um montante que na época valia mais de US$ 35 bilhões (R$ 139,9 bilhões), portanto mesmo depois de abrir a mão de parte disso em prol do bem alheio a escritora vai continuar sendo uma das maiores bilionárias do planeta.

Com a chegada dela, o “The Giving Pledge” passa a contar com 204 membros de 23 países, sendo Elie Horn, cofundador e maior acionista da construtora Cyrela, o único representante do Brasil entre eles. A propósito, Bezos – que é o homem mais rico do mundo atualmente – recusou um convite que recebeu de Gates e Buffett anos atrás para se tornar um desses ricaços generosos, alegando que prefere cuidar sozinho de suas empreitadas filantrópicas. Cada um com seu cada um… (Por Anderson Antunes)