16.08.2018  /  11:18

Depois de dizer que futebol é “coisa de menina”, Mark Wahlberg cogita comprar seu próprio time

Mark Wahlberg || Créditos: Getty Images

Mark Wahlberg, que nunca foi muito chegado em futebol, parece ter mudado de ideia com relação ao esporte mais popular do planeta. Isso porque o ex-modelo de roupa íntima da Calvin Klein está considerando seriamente a possibilidade de comprar o Columbus Crew, um dos times da MLS, entidade que reúne as equipes profissionais de “soccer” dos Estados Unidos. Caso vingue, o negócio deverá ter a participação de outros investidores e deverá movimentar em torno de US$ 50 milhões (R$ 195 milhões).

Amigo pessoal de Robert Kraft, um dos maiores cartolas dos EUA e dono do New England Patriots, o ator que atualmente está entre os mais bem pagos de Hollywood esteve nesta semana em West Columbus – no estado americano de Ohio, onde fica a sede do Columbus Crew – para tratar do assunto. Ele também teria recebido algumas dicas de David Beckham, outro de seus bffs famosos, que a partir de 2020 terá seu próprio time na MLS.

Fã de carteirinha de Tom Brady, o quarterback do Patriots e marido de Gisele Bündchen, Wahlberg causou polêmica durante a Copa do Mundo da África quando disse em uma entrevista que considera o futebol jogado com os pés “entediante” e “coisa de menina”. “Às vezes os jogos duram 90 minutos e não sai um gol”, o astro americano reclamou na época. Quem te viu, quem te vê. (Por Anderson Antunes)