21.02.2018  /  9:00

De terninho a chapéu-coco, Liza Minnelli vai leiloar parte do figurino que usou em “Cabaret”

Liza Minnelli e o terninho que a atriz usou em “Cabaret” || Créditos: Getty Images/Divulgação

Dando continuidade ao processo de downsizing que começou em 2016, Liza Minnelli decidiu leiloar algumas peças do figurino que usou no filme “Cabaret”, um de seus trabalhos mais famosos, e também itens de valor que foram de sua mãe, a também atriz Judy Garland. Tudo será vendido no martelo em maio pela empresa Profiles in History, da Califórnia, mas antes disso o tesouro será exibido no Paley Center de Beverly Hills entre os dias 4 e 29 de abril.

Há desde o terninho de lantejoulas vermelho ao chapéu-coco que Liza usou na produção musical de 1972, além do roteiro com as falas dela no longa dirigido por Bob Fosse, repleto de anotações feitas pela estrela. Já das peças que pertenceram a Judy, os destaques são um cheque recebido por ela da MGM e uma casaca que a protagonista de “O Mágico de Oz” usou durante uma sessão de fotos na qual foi clicada por Richard Avedon.

Liza começou a se desfazer de bens pessoais há dois anos, quando colocou à venda 22 quadros assinados por Andy Warhol pelo valor total de US$ 40 milhões (R$ 129,6 milhões), bem abaixo do estimado pelo mercado para a coletânea (até então ela tinha uma das maiores coleções particulares de obras do artista americano), dando origem a rumores de que estaria precisando de dinheiro. Ela negou na época, e continua afirmando até hoje que busca apenas tornar sua vida mais simples. (Por Anderson Antunes)