04.08.2018  /  9:00

De passagem por Miami, Floyd Mayweather joga dinheiro no ar e tieta Ronaldinho

Floyd Mayweather || Créditos: Getty Images

Floyd Mayweather não ganhou o apelido de “Money Mayweather” por acaso. Dono do título de celebridade mais bem paga do mundo – só no ano passado o boxeador americano faturou US$ 285 milhões (R$ 1,07 bilhão), a maior parte graças aos direitos televisivos das lutas que participa – ele fez a alegria dos presentes em uma festa que rolou no clube E11EVEN, de Miami, nessa semana.

Devidamente acomodado em um curralzinho do hotspot, e estrategicamente posicionado acima dos outros baladeiros, Mayweather sacou uma bolsa com US$ 5 mil (R$ 18,7 mil) em notas de US$ 100 (R$ 374,80) e começou a jogar o dinheiro no ar para quem quisesse pegá-lo. Foi uma loucura, claro.

Em seguida o astro dos ringues, que não bebe álcool, ordenou uma rodada de bebidas da melhor qualidade para os cerca de vinte amigos que o acompanhavam, com muito champagne francês e garrafas e mais garrafas de vodka Grey Goose, tequila Don Julio 1942, conhaque Hennessy e champagne Moët Nectar Rose.

Detalhe: em nenhum momento Mayweather tirou os olhos do relógio Jacob and Co. que tinha no pulso e pelo qual pagou US$ 18 milhões (R$ 67,5 milhões) em junho. Ele só esqueceu do mimo quando cruzou com outro atleta famoso de quem é fã de carteirinha na hora de ir embora, o brasileiro Ronaldinho, que chegou no E11EVEN às 6h da manhã de quinta pra começar a própria farra. (Por Anderson Antunes)

Ronaldinho e Floyd Mayweather || Créditos: Reprodução