15.08.2019  /  14:06

De “Malhação” até “O Outro Lado do Paraíso”, relembre os melhores papéis de Bianca Bin que acaba de ser dispensada da Globo

Após recusar dois papeis em novelas da emissora, Bianca não faz mais parte do time de atrizes da Globo / Crédito: Divulgação/TVGlobo

Todo mundo ficou chocado com a notícia de que Bianca Bin foi dispensada da Globo nesta quinta-feira. Após recusar dois papeis seguidos em novelas da emissora, “A Dona do Pedaço” e “Salve-se Quem Puder”, ela não faz mais parte do time fixo de atrizes do canal. Para a imprensa, Bianca disse que quer descansar sua imagem na TV e que agora fará contratos por obra. E como já estamos com saudades de Bianca, relembramos as novelas estreladas por ela na Globo ao longo de 10 anos de muito trabalho.

Malhação (2009)

Divulgação/TVGlobo

Bianca Bin começou na Globo, em 2009, na novela adolescente “Malhação” com as personagens Marina e Penélope. Na trama, após muitas injustiças, Marina vive com o pseudônimo de Penêlope para trabalhar como estilista e conseguir dinheiro para buscar seus pais. Depois dessa temporada, Bianca fez um trabalho após o outro e só parou em 2017.

Passione (2010)

Divulgação/TVGlobo

No ano seguinte, Bianca interpretou Fátima em “Passione”. Na novela, a personagem já havia passado por poucas e boas, inclusive a descoberta de que sua irmã (Larissa Maciel) , na verdade, era a sua mãe, em uma das revelações mais chocantes da trama.

Cordel Encantado (2011)

Divulgação/TVGlobo

Em 2011, Bianca se tornou protagonista de “Cordel Encantado” na pele de Açucena/ Princesa Aurora Catarina. A história já mostrava a atriz bem mais desenvolta na televisão e em uma história lúdica. Criada no sertão por Euzébio (Enrique Diaz) e Virtuosa (Ana Cecília Costa), a Açucena é, na verdade, a procurada princesa Aurora, do reino de Seráfia do Norte, filha de rei Augusto (Carmo Dalla Vecchia) e rainha Cristina (Alinne Moraes).

Guerra dos Sexos (2012)

Divulgação/TVGlobo

Logo após Cordel, Bianca já emendou “Guerra dos Sexos”, junto com um elenco de peso que contava com Tony Ramos, Irene Ravache e Glória Pires. A sua personagem, Carol, era uma moça que fingia ser meiga, mas, na realidade, era uma vilã que só queria poder e riqueza. “Guerra dos Sexos” foi uma das primeiras produções que apresentou Bianca no papel de uma mulher má.

Joia Rara (2013)

Divulgação/TVGlobo

Também como protagonista, Bianca interpretava Amélia, uma moça pobre, gentil e batalhadora que se apaixona à primeira vista por Franz, personagem de Bruno Gagliasso. A moça é vítima de diversas armadilhas, mas consegue dar a volta por cima para viver seu grande amor.

Boogie Oogie (2014)

Divulgação/TVGlobo

Outra vilã interpretada por Bianca foi Vitória, que se tornou rival de Sandra, personagem de Isis Valverde. As duas disputam o amor de Rafael (Marcos Pigossi) na novela de época.

Êta Mundo Bom (2015)

Divulgação/TVGlobo

Apesar de não interpretarem um casal, esse foi o primeiro trabalho de Bianca Bin e Sérgio Guizé juntos (eles são casados na vida real). Na trama, ela deu vida à Maria e fez um ótimo par com Celso (Rainer Cadete), um amor que começa cheio de rivalidades e termina em casamento.

Segredos de Justiça (2016)

Em 2016, Bianca não esteve em novela, mas fez a série “Segredos de Justiça”, baseada no livro “A Vida Não É Justa” de Andréa Pachá, e participou de um episódio sobre adoção.

O Outro Lado do Paraíso (2018)

Clara (Bianca Bin) enfrenta Sophia (Marieta Severo) e a chama de assassina.

A última novela de Bianca foi “O Outro Lado do Paraíso” na pele da protagonista Clara. Essa foi a segunda novela ao lado de Sérgio Guizé e quando eles assumiram o romance. Os dois interpretavam um casal e a polêmica girou em torno do relacionamento abusivo dos personagens. Felizmente, Clara deu a volta por cima!