20.11.2020  /  11:15

De Emicida a Mariana Aydar, confira a performance dos brasileiros no Grammy Latino 2020

Emicida e Mariana Aydar / Crédito: Instagram

O Grammy Latino aconteceu nessa quinta-feira e teve muito brasileiro levando prêmio para casa. Entre os premiados estão nomes como Emicida, que ficou com a estatueta pela categoria de ‘melhor álbum de rock e de música alternativa em língua portuguesa’ com o álbum ‘AmarELO’ e Mariana Aydar como ‘melhor álbum de música de raízes em língua portuguesa’m entre outros.

Para deixar o momento ainda mais brasileiro, Anitta fez uma apresentação surpreendente. Em poucos minutos, a cantora, que acabou não levando prêmios para casa dessa vez, apresentou a música ‘Me Gusta’ e ‘Mas Que Nada’ gravado nos Arcos da Lapa. Para lembrar os “malandros” (no bom sentido) cariocas, que se vestiam de terno e chapéus brancos, a cantora usou um blazer no mesmo estilo, mas bem mais moderno. A peça da Fendi custa cerca de R$14 mil.

A seguir, confira a lista completa dos brasileiros que arrasaram na premiação!

Melhor álbum de rock ou de música alternativa em língua portuguesa

AmarElo – Emicida (Vencedor)

Little Electric Chicken Heart – Ana Frango Elétrico

Letrux aos Prantos – Letrux Universo do Canto Falado

Rapadura Na Mão as Flores – Suricato

 

Melhor álbum de música sertaneja

#Isso É Churrasco (Ao Vivo) – Fernando e Sorocaba

Origens [Ao Vivo em Sete Lagoas 2019] – Paula Fernandes Livre – Vol. 1 (Vencedora)

Lauana Prado Churrasco do Teló Vol. 2 – Michel Teló

Por Mais Beijos ao Vivo (Ao Vivo) – Zé Neto & Cristiano

 

Melhor álbum de samba/pagode

Mangueira – A Menina dos Meus Olhos – Maria Bethânia

Martinho 8.0 – Bandeira da Fé  – Martinho da Vila

Samba Jazz de Raiz – Cláudio Jorge (Vencedor)

Fazendo Samba – Moacyr Luz e Samba do Trabalhador

Mais Feliz – Zeca Pagodinho

Melhor álbum pop contemporâneo em língua portuguesa

N – AnaVitória

Enquanto Estamos Distantes – As Bahias

APKÁ! – Céu (Vencedora)

Guaia – Marcelo Jeneci

Eu Feat. Você – Melim

 

Melhor canção em língua portuguesa

Abricó-de-Macaco – João Bosco

A Tal Canção pra Lua – Vitor Kley e Samuel Rosa

AmarElo – Emicida, Majur e Pabllo Vittar (Vencedor)

Libertação – Elza Soares, BayanaSystem e Virgínia Rodrigues

Pardo – Céu

 

Melhor álbum de música de raízes de língua portuguesa

Veia Nordestina – Mariana Aydar (Vencedora)

Aqui Está-se Sossegado – Camané e Mário Laginha

Acaso Casa Ao Vivo – Mariene de Castro e Almério Targino Sem Limites

Targino Gondim Obatalá: Uma Homenagem a Mãe Carmen

Grupo Ofa Autêntica – Margareth Menezes

 

Melhor álbum de música popular brasileira

Belo Horizonte – Toninho Horta e Orquestra Fantasma

O Amor no Caos Volume 2 – Zeca Baleiro

Bloco na Rua – Ney Matrogrosso

Planeta Fome – Elza Soares

Caetano Veloso & Ivan Sacerdote – Caetano Veloso e Ivan Sacerdote