31.10.2019  /  12:22

De casa nova, Marc Jacobs decide vender parte de sua poderosa coleção de obras de arte

Marc Jacobs || Créditos: Reprodução

Marc Jacobs está de CEP novo na Big Apple e decidiu não levar todas as suas obras de arte para a casa nova: “Senti que era hora de me dar esta janela para começar de novo”, contou o designer. O anúncio de que venderia parte de sua coleção está movimentando o mercado de lá, já que ele é um colecionador dos bons. Uma delas é o quadro “She Gets Angry At Him”, de Ed Ruscha, a estimativa é que ele seja arrematado por até US$ 3 milhões. “Amo a mente de Ed Ruscha, que, para mim, é simplesmente o maior artista vivo americano”, contou Jobs.

View this post on Instagram

No filter, (some filler)!

A post shared by Marc Jacobs (@themarcjacobs) on

As peças farão parte dos leilões Impressionist & Modern Art Day Sale que será realizado no dia 14 de novembro, no Contemporary Art Day Auction, dia 15 e Fine Jewels em 9 de dezembro. A Sotheby’s ainda quer lançar mais um leilão online denominado “Marc Jacobs: A Life in Design”, no dia 12 de dezembro, com obras que estão na sua casa no West Village, e outro online, com o que está no apartamento dele em Paris, de 04 a 13 de dezembro.

Uma das obras de artes mais icônicas de sua coleção – o quadro “She Gets Angry At Him”, de Ed Ruscha, que ilustrou seu primeiro post no Instagram, está na lista de peças que serão leiloadas, e a estimativa é que ele seja arrematado por algo entre US$ 2 milhões e US$ 3 milhões. “Amo a mente de Ed Ruscha, que, para mim, é simplesmente o maior artista vivo americano. Sexy e ótimo em arte conceitual.”