19.03.2018  /  13:14

Currículo preenchido por Steve Jobs é leiloado por R$ 575 mil. Aos detalhes!

Steve Jobs || Créditos: Getty Images

Criador do smartphone mais famoso do mundo, Steve Jobs nem sequer tinha número de telefone na época em que largou os estudos na tradicional faculdade de artes americana Reed College. E isto está provado em um currículo que o cofundador da Apple preencheu em 1973, quando tinha 18 anos, e que foi leiloado na semana passada por – acredite! – US$ 174.757 (R$ 575,3 mil). O valioso pedaço de papel foi preenchido por Jobs quando ele ainda era calouro do Reed College, que fica na cidade americana de Portland, e estava em busca de um dos trabalhos anunciados em um banco de vagas da instituição.

No campo telefone o “pai do iPhone” escreveu simplesmente “nenhum”, e onde deveria descrever suas habilidades especiais colocou apenas “engenharia eletrônica e design na Baía perto da Heweeit-Packard (sic)”, assim mesmo, com o nome da gigante da tecnologia Hewlett-Packard escrito errado, e em referência à Baía de San Francisco, onde fica a sede da empresa e, desde 1976, da própria Apple. Ele só deixou em branco a seção “posição desejada”.

Responsável pela venda, a casa de leilões americana RR Auction, especializada em documentos e manuscritos raros assinados por pessoas famosas, não revelou o nome do responsável pelo lance vencedor. Outros itens atribuídos a Jobs também foram vendidos no mesmo lote do currículo, como um manual técnico do Mac OS X assinado pelo bilionário em 2011 (e vendido por US$ 41.806/R$ 137,6 mil) e um recorte de jornal sobre o lançamento do iPhone, autografado, que encontrou um novo dono por US$ 26.950 (R$ 88,7 mil).

Reza a lenda que Jobs raramente assinava ou rubricava documentos, por uma questão de superstição. A propósito, o visionário não conseguiu o emprego que almejava, até porque logo depois que disse adeus ao Reed College embarcou em uma viagem pela Índia para estudar o zen budismo que afirmou até o fim da vida ter sido uma das melhores experiências que teve e, acima de tudo, fundamental para preparar o terreno para o que estava por vir em seu destino. (Por Anderson Antunes)

*

Clica na seta da galeria aí embaixo pra ver mais fotos do currículo e dos outros itens atribuídos a Jobs que foram vendidos no martelo: