Lulu Santos live
Por JOrge Bispo

Lulu Santos: “Me questiono por quanto tempo vou trabalhar, mas não quero colocar um limite”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

“Eu vejo a vida melhor no futuro…” Aos 68 anos, Lulu Santos não quer ter certeza do futuro, apesar da canção “Tempos Modernos” ser um de seus grandes sucessos. Inquieto, o cantor que coleciona hits confessa que quer continuar, mas sem programar o passo a seguir.

“Não me pergunto onde me vejo daqui 20 anos, não estou preparado para responder. Penso como me vejo daqui dois anos, no ano que vem. Me questiono por quanto tempo vou trabalhar, mas não quero colocar um limite”, contou ele em live com Joyce Pascowitch nessa quarta-feira, no qual citou Caetano Veloso, Gilberto Gil e Ney Matogrosso como inspirações de continuar ativo.

No entanto, o carioca também anda de olho na nova geração. “O Melim, meu queridíssimo Vitor Kley. Esse novo pop floresceu e como bons “filhos” nos reconhecem de volta”, afirma ele, que acaba de dividir a canção “Vou Ter Que Me Virar” com a banda Fresno.

Para comemorar 40 anos de carreira, o artista lança seu primeiro livro “Lulu em Traço e Verso”. “Cada canção é ricamente ilustrável em uma lâmina grande. Muito bonito, tátil, visual […] Vamos lançar esse projeto na Bienal do Rio, agora em dezembro. A primeira “fornada” do livro vai ficar pronta uns 10 dias antes do evento. Estou excitado”, disse Lulu.

Confira abaixo a entrevista completa.

Você também pode gostar