Ken Kutaragi
Foto: Official GDC, CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

Criador do Playstation não coloca a menor fé no metaverso

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

O metaverso é o futuro. Pelo menos é nisso que acredita gente como Mark Zuckerberg, que até mudou o nome da holding que controla o Facebook para Meta só pra deixar claro que seu negócio a partir de agora terá como foco a realidade virtual (RI) e até já contratou alguém para cuidar só disso.

Mas um outro grande conhecedor de novas tecnologias e, em especial, de RI, pensa diferente: o executivo japonês Ken Kutaragi, mais conhecido por ser o inventor do PlayStation, um dos videogames mais populares do mundo.

“Estar no mundo real é algo muito importante, e o metaverso não passa de um mundo ‘quase-real’ dentro de um universo virtual”, Kutaragi disse nessa semana em uma entrevista que deu para a “Bloomberg”.

“Você prefereria ser um avatar todo perfeito ou o seu verdadeiro eu?”, questionou Kutaragi no bate papo. “Uma coisa e outra não é muito diferente do que ter perfis anônimos em sites de discussão”, ele completou.

Ex-funcionário da Sony, Kutaragi atualmente é o CEO da Ascent, uma empresa de inteligência artificial japonesa que tenta “fundir” os mundos real e virtual sem o uso de gadgets, que considera serem “simplesmente irritantes”.

Você também pode gostar