21.03.2014  /  9:52

Crowe responde sobre saia justa com Papa: “Ele mostrou consistência”

No Rio, Russel Crowe participa da première de “Noé”

Russel Crowe e a equipe de “Noé” tinham uma audiência marcada com o Papa Francisco nessa quarta-feira, que acabou sendo cancelada pelo Vaticano. Especulou-se que o motivo teria sido a divulgação do encontro antes de acontecer. Mesmo assim, o astro foi a Roma, assistiu a uma missa celebrada pelo pontífice e teria tido um rápido momento com ele.

Glamurama conseguiu conversar com Russel nessa quinta durante a première carioca do longa e perguntou se ele ficou desapontado com o cancelamento. “De jeito nenhum. Com toda a controvérsia que tem surgido em torno do filme, o fato do Papa ter nos convidado para a missa é maravilhoso e comprovou a consistência e gentileza que ele tem demostrado desde que assumiu o posto. Foi muito bonito. Me considero um privilegiado.”

Vai ter algum tempo livre para curtir o Rio? “Não. Na verdade, tive um pouco hoje, e fui para a academia, o que não é nada romântico ou especial, mas tem sido uma longa semana de trabalho e é o que dá pra fazer em uma viagem de apenas 36 horas. Quero voltar aqui para poder aproveitar.”

Por fim, por que aceitou o papel? “É um longa bíblico, mas não religioso. Há 10, 15 anos que acompanho a trajetória de Darren Aronofsky. Ele tem dirigido filmes extremamente desafiadores e bem feitos. E é um personagem desafiador… Foi a combinação dessas duas coisas.”