02.05.2019  /  10:11

Crescem as suspeitas de que o bebê de Meghan Markle e Harry já nasceu. Aos fatos!

Meghan Markle e Harry || Créditos: Reprodução

O que a princípio era apenas mais uma teoria conspiratória envolvendo “royals” entre tantas que circulam pela internet começa a ganhar ares de realidade, e é claro que é da gravidez sem fim de Meghan Markle que estamos falando. Pelas contas da imprensa britânica, a mulher do príncipe Harry já deveria ter dado à luz a essa altura, mas até agora parece que a duquesa e o duque de Sussex continuam esperando a chegada de seu primeiro filho. A menos que o Windsor com sangue hollywoodiano já tenha feito sua estreia no mundo em segredo, como apostam muitos por aí.

Essa possibilidade, aliás, pode ter recebido o aval de Chris Evans, que apesar do nome idêntico ao do Capitão América da telona é, na verdade, um dos maiores astros da rádio no Reino Unido. “Acho que sei de algo”, o radialista disse na edição dessa quarta-feira do programa matinal que apresenta na “BBC Radio 2”. “Talvez já tenhamos um novo bebê real no pedaço”, completou, sem dar mais detalhes sobre o que possivelmente sabe sobre o assunto.

Outra pista dando conta do possível parto secreto seria o fato de que a rainha Elizabeth II supostamente foi tomar chá com Meghan e Harry recentemente na Frogmore House, que é o château que o casal ganhou dela nos arredores do Castelo de Windsor. O Palácio de Buckingham, no entanto, não confirma a visita da monarca. Mas também não nega, o que só faz deixar todo mundo ainda mais com a pulga atrás da orelha.

E como especulação pouca é bobagem, os plebeus continuam apostando alto nos nomes que Meghan e Harry irão escolher para 0 herdeiro ou herdeira. Os favoritos até então eram os tradicionais Elizabeth e Diana, ambos por razões óbvias, além de Victoria, Arthur, Philip, James e Albert. Mas aos poucos outros foram ganhando espaço, como Grace (vai que a ex-atriz resolve homenagear Grace Kelly) e, mais recentemente, o moderninho Allegra, que seria como a princesa Diana pretendia batizar a filha que nunca teve, segundo uma bff da princesa morta em 1997. (Por Anderson Antunes)