Hermès
Divulgação

Los Angeles será a próxima cidade a receber uma pop-up da academia de luxo da Hermès. Vem saber!

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Entre os dias 21 e 25 desse mês, o privilégio único de treinar em um espaço de luxo com a logomarca da Hermès será oferecido a certos e muito bem selecionados marombas que vivem em Los Angeles.

Isso porque durante esses cinco dias o lendário clube de esportes Hollywood Athletic Club, que foi fundado em 1924 por Mae West, Joe Crawford, Cecil B. DeMille e Charles Chaplin, será rebatizado temporariamente como HermèsFit, a marca de academia pop-up da maison francesa que teve como locação número um a cidade de Chengdu, capital da província de Sichuan da China, onde funcionou durante todo o mês de maio de 2021 sempre fazendo o maior sucesso e atraindo muitos olhares cobiçosos.

Vista como uma espécie de “experiência” da Hermès no segmento das academias de luxo, a HermèsFit marcará sua estreia nos Estados Unidos com a abertura no Hollywood Athletic Club, que também serviu de palco para a primeira cerimônia de entrega dos prêmios Emmys, o Oscar da televisão, em 1949, montada com os melhores equipamentos de treinamento e decoração de alto padrão tal como foi o caso em terras chinesas no ano passado. Frise-se que o mercado dessas “gyms” mais exclusivas tem crescido a passos mais largos do que o das suas equivalentes “normais” há um certo tempo.

Por enquanto disponível apenas para convidados VIP, a HermèsFit hollywoodiana é a última das várias empreitadas da Hermès na região de LA, na Califórnia, o estado mais rico dos Estados Unidos.

A mais recente data de novembro, quando a centenária grife controlada pelas famílias francesas Dumas, Puech e Guerranda – cujos membros descendem de Thierry Hermès, que a fundou em 1837 – com um jantar para poucos e bons no château que já serviu de residência para Frank Sinatra localizado no subúrbio de Chatsworth da cidade.

A razão por trás dessa “marcação de terreno” tem a ver com uma mega-store que a gigante de moda abrirá em uma antiga loja da falida Sears que ocupava um andar quase inteiro de um shopping center de lá.

Você também pode gostar