04.09.2016  /  16:30

Conheça os jatinhos de famosos como Spielberg, Oprah Winfrey e Celine Dion

Glamurama contou na última quinta-feira que o jato executivo Falcon 8X, da francesa Dassault, é um dos novos brinquedos cobiçados no mundo dos muito ricos e dos famosos. Mas a verdade é que no universo daqueles que passam longe das filas de check-in dos aeroportos frequentados pela maioria dos viajantes mortais existe uma infinidade de opções quando o assunto é viajar de jatinho.

Seja pelo conforto ou por questões mais técnicas, como melhor autonomia de voo, o que permite viagens mais rápidas, há modelos de aviões privados para todos os gostos e bolsos. Confira agora alguns desses modelos, e quem voa neles:

Crédito: Getty Images / Divulgação
||Crédito: Getty Images / Divulgação

Piloto profissional, John Travolta têm mais de 56 mil quilômetros voados no currículo. O ator possui nada menos que sete aviões, entre os quais dois Boeings, um Bombardier Global 6000 de US$ 62 milhões (R$ 201,7 milhões), e três modelos da Gulfstream.

Crédito: Getty Images / Divulgação
||Crédito: Getty Images / Divulgação

A canadense Bombardier é a fabricante de um dos aviões executivos mais procurados, o Global Express XRS, que custa a partir de US$ 42 milhões (R$ 136,6 milhões). Oprah Winfrey, Celine Dion e Steven Spielberg possuem o modelo.

3-TomCpg
||Crédito: Getty Images / Divulgação

Já Tom Cruise é dono de um confortável Gulfstream IV, que não sai da fábrica por menos de US$ 36 milhões (R$ 117,1 milhões).

Crédito: Getty Images / Divulgação
||Crédito: Getty Images / Divulgação

Um dos atletas mais bem pagos de todos os tempos, o golfista Tiger Woods só viaja a bordo de seu Gulfstream G550, um dos mais rápidos do mundo, que custa US$ 53,5 milhões (R$ 174 milhões). Jim Carrey também tem o mesmo avião.

Crédito: Getty Images / Divulgação
||Crédito: Getty Images / Divulgação

Harrison Ford, que também é piloto profissional, é dono de um Cessna Citation 680, que comporta até 12 passageiros e custa em torno de US$ 18 milhões (R$ 58,5 milhões).

Dono do time futebol inglês Chelsea, o bilionário russo encomendou há alguns anos um modelo 767 de mais de US$ 180 milhões (R$ 585,5 milhões), da Boeing, que ele batizou de “The Bandit”. (Por Anderson Antunes)